Como lidar com um colega (ou chefe) que leva todos os créditos pelo seu trabalho?

Infelizmente todos nós conhecemos (ou vamos conhecer) um colega de trabalho ou mesmo chefe que age de má fé, invariavelmente guiados por ambição e ganância. A simples presença de tais profissionais no ambiente já prova mal-estar, mas o que fazer quando as coisas pioram e afetam até mesmo sua própria carreira?

Meu colega de trabalho rouba minhas ideias

Se você convive com um colega ou chefe que tem o hábito de levar créditos pelo seu trabalho e nunca reconhece seus esforços, pode facilmente se sentir irritado e, claro, injustiçado. Apesar da ira, o ideal é não agir por impulso e se acalmar.

Tomar atitudes drásticas no momento pode prejudicar sua imagem e fazer com que você perca a razão e a credibilidade. Respire fundo e procure tratar a situação de maneira racional, especialmente se pretende provar que foi prejudicado. Reflita como se impor, reúna e-mails que comprove sua verdade e fuja de discussões e bate-boca que não levam a nada.

Em alguns casos, a pessoa que rouba suas ideias e créditos pode não perceber que age de tal forma ou mesmo pensa que você não se importa ou não se deu conta do que ela fez. Então, converse com o colega e questione diretamente e com calma e objetividade, por que ele não citou sua contribuição no trabalho. O simples diálogo pode esclarecer a situação e evitar que ela se repita.

Se for necessário, tome medidas para evitar que o fato volte a acontecer. Não tenha medo de se impor, sem agressividade, claro, através de palavras e linguagem corporal. Faça com que o colega perceba seu descontentamento e evite ao máximo possível o convívio com ele.

Quando a situação se torna abusiva e parece não ter fim, leve o problema ao seu superior ou ao RH da empresa. Fique preparado para ter argumentos sólidos para possíveis reuniões de conciliação e, se possível, tenha em mãos documentos que comprovem sua razão e justificativas para o caso.

 

Fonte: Vix

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.